Operação da PM apreende menor que matou comerciante em Carnerinhos e grande quantidade de drogas

Cinco homens também foram presos na operação suspeitos de tráfico de drogas

O menor de 16 anos, que atirou e matou o comerciante Inácio Alves Viana, 47, dentro da loja dele na Avenida Getúlio Vargas, no centro da cidade no final do ano passado, foi apreendido pela Polícia Militar de João Monlevade, por volta das 07h da manha desta quinta-feira (30).

Ele estava foragido do Centro Socioeducativo de Ipatinga, há cerca de 40 dias, após deixar a unidade para fazer um curso e não retornou.

O infrator tinha um Mandado de Apreensão em aberto expedido pela Justiça de Ipatinga.

Durante a “Operação Alferes Tiradentes”, deflagrada mensalmente pela Polícia Militar em todo o estado, o menor foi apreendido dentro da casa dele no Bairro São João.

Além do menor que foi recapturado, a operação resultou ainda na prisão de um homem de 23 anos, que estava na Rua Cerejeira, também no Bairro São João, portando na cintura um revólver calibre 38, municiado com seis cartuchos intactos. Os militares foram até á casa dele onde encontraram mais 19 cartuchos do mesmo calibre, escondidos debaixo de um colchão, 09 pedras de crack dentro de uma gaveta da cômoda e dois celulares.

Militares cumpriram ainda dois Mandados de Buscas no Bairro Tanquinho. Cinco homens foram presos, suspeitos de envolvimento com o tráfico de drogas naquela região. Foi apreendida uma balança de precisão, 12 buchas de maconha, uma barra pesando cerca de meio quilo da mesma sustância entorpecente, dois cartuchos calibre 38, um deles deflagrado, vários saquinhos de chup-chup, que eram usados para embalar drogas e um celular.

Segundo o major Jayme Alves, comandante da PM na cidade, a operação foi planejada após levantamentos realizados pela equipe do Serviço de Inteligência, da Companhia, que localizaram o menor e monitoraram o tráfico de drogas nos locais onde foram cumpridos os mandados buscas e apreensões. “Esta operação acontece também em outras cidades da região, já com alguns resultados também. O objetivo é prevenir a prática de crimes. Foram feitas diligências pelo setor de Inteligência da Companhia onde foram comprovados o tráfico de drogas e solicitamos junto ao Ministério Público os Mandados de Busca e Apreensão , que foram deferidos. Foi uma ação bem planejada que resultou na apreensão desse menor e das drogas”, pontuou Jayme Alves.

 

Publicidade

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui