Operação “Marias” tem ações efetivas da Polícia Civil em Itabira

Em homenagem ao Dia Internacional da Mulher, a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) deflagrou, nesta quinta-feira (5), a operação “Marias II”. A ação acontece em todas as Regiões Integradas de Segurança Pública do Estado de Minas Gerais. Nesta manhã, a PCMG saiu em busca dos envolvidos em violências contra a mulher. Entre os procurados estão suspeitos de ameaças, tentativas de feminicídio, lesão corporal, descumprimentos de medidas protetivas, estupro, importunação, entre outros.

Na cidade de Itabira, a polícia divulgou que cumpriu  mandado de busca e apreensão em uma residência localizada no Bairro Santa Marta e não achou nada ilícito no local. Já no bairro Campestre,  B.F.M., 38 anos, fi preso por descumprimento de Medida Protetiva expedida judicialmente.

Essa é a segunda fase da operação. Em novembro do ano passado, a primeira etapa foi realizada em 108 municípios com saldo de 83 prisões. “Marias” faz referência à Maria da Penha Maia Fernandes, vítima emblemática de violência doméstica, referencial na luta em defesa dos direitos das mulheres e cuja identidade inspirou a nomenclatura da lei “Maria da Penha”, ferramenta fundamental no combate à violência doméstica de familiar.

O balanço parcial e outras informações serão repassadas ainda hoje pela Polícia Civil aos órgãos de imprensa.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui