Operação Pandemia termina com saldo de 13 presos, segundo Polícia Civil

Durante a ação, foram apreendidas armas (Divulgação PC)

Treze pessoas presas e dois adolescentes infratores apreendidos. Esse foi o saldo da operação Pandemia-12, realizada nesta quinta-feira (21) nas cidades de Ipatinga, Caratinga, Itabira, João Monlevade, Ponte Nova e Manhuaçu, no Vale do Aço.
A ação policial foi desencadeada a partir das investigações de diversos crimes, como homicídio, roubo e tráfico de drogas, todos cometidos na jurisdição do 12º Departamento de Polícia Civil em Ipatinga.

“A operação teve como objetivo o esclarecimento de crimes em apuração e a redução dos crimes violentos na região, cumprindo com orientação da Chefia de Polícia para uma efetiva repressão qualificada dos crimes que mais impactam e aumentam a sensação subjetiva de segurança”, explicou o Chefe do 12º Departamento, Delegado-Geral Gilberto Simão de Melo.

Durante a ação, foram apreendidas drogas (maconha, lança-perfume, cocaína e crack), armas de fogo e armas de fogo artesanais, munições, notebook, várias balanças de precisão, máquinas de cartão de crédito, diversos aparelhos celulares, remédios abortivos e armas brancas.

Os presos irão responder pelos crimes de tráfico de drogas, posse e porte ilegal de armas, descaminho, dentre outros.

Foram empenhados na operação 180 policiais civis e 50 viaturas policiais.

O nome da operação faz alusão à disseminação da Covid-19 no mundo, enquanto o numeral 12 refere-se ao 12º Departamento de Polícia.

Publicidade

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui