Órgãos estaduais participam de reunião para o período chuvoso

Encontro é o primeiro da série de reuniões para o alinhamento dos órgãos quanto às ações e medidas de prevenção e de resposta

Nesta sexta-feira (25/11), durante o encontro do Sistema Estadual de Proteção e Defesa Civil no Estado, foram reforçadas as ações de parceria com os órgãos envolvidos. A reunião é apenas a primeira de diversas que serão realizadas no período chuvoso, com vistas ao monitoramento das ações de prevenção e de resposta, em caso de desastre.

“A reunião é o alinhamento das interferências que o poder público terá que fazer em face de acontecimento aos desastres em todo o estado e que todos os órgãos presentes são imprescindíveis para as ações de resposta. Não conseguiríamos atender aos desastres ocorridos no Estado se não fosse a participação efetiva de todos”, destacou o coordenador adjunto de Defesa Civil, tenente coronel, Juliano Cançado.

Na sequência, a Defesa Civil apresentou o balanço do período chuvoso 2015/2016. Os dados apontaram que três municípios decretaram Estado de Calamidade Pública, 40 municípios decretaram Situação de Emergência e outros 42 apenas comunicaram alguma anormalidade em decorrência das chuvas.

Em todo o estado, 4.288 residências forma danificadas e 353 foram destruídas pela ação das chuvas, 217 obras de infraestrutura públicas foram destruídas, 9.755 pessoas ficaram desalojadas, 2.974 desabrigadas, dez feridas e quatro pessoas morreram em decorrência das chuvas.

No encontro, a meteorologista do Instituto Mineiro de Gestão das Águas (Igam), Paula Pereira de Souza, também destacou que as chuvas ocorridas em outubro deste ano ficaram abaixo da média normal climatológica em quase todo o estado. Além disso, de novembro até o dia de hoje, muitas regiões de Minas já alcançaram a média e, em algumas áreas do Norte, Central Mineira, Metropolitana, Campo das Vertentes, Zona da Mata e do Rio Doce, a média já foi superada.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui