A palestra será ministrada a partir das 8h, na sede do CEAM (Evandro Rodney)

Minas Gerais tem dimensões territoriais que se igualam ao tamanho de alguns países. Tamanha extensão abriga paisagens das mais diversas. Muitas dessas belezas estão localizadas nos parques estaduais. Ao todo, são 39 unidades, sob gestão e manutenção do Instituto Estadual de Florestas (IEF).

Entre relevos e vegetações diversas, molduras de paisagens ímpares, a Agência Minas Gerais elencou três desses parques para dar destaque. O primeiro deles, Parque da Lapa Grande, fica no Território Norte do estado. Os principais atrativos são as 62 cavidades registradas na reserva. Essas grutas atraem não só estudiosos da espeleologia, como também turistas procurando um local diferente.

Além do potencial turístico, há também uma função social. O Lapa Grande abriga mananciais responsáveis pelo abastecimento de água de aproximadamente 35% da população da região de Montes Claros, cidade que fica a 12 quilômetros do parque.

De terça a sexta, o parque se dedica a receber visitas agendadas, especialmente de instituições de ensino e ONG’s. A analista ambiental e gerente da unidade, Elisângela Alves Mota Chinelato, destaca o caráter positivo dessa rotina.

“A vantagem dessas visitas agendadas, de cunho educativo, é que, ao estar diante dessas belezas naturais que enchem os olhos, até pessoas que não tinham tanta consciência ambiental passam a ter um carinho maior por esses lugares de preservação”, diz Elisângela.

Com uma característica diferente, encontra-se o Parque Estadual do Rio Preto, próximo à Diamantina, no Território Alto Jequitinhonha. Com cachoeiras e piscinas naturais que exibem uma água de cor negramente translúcida, daí o nome do lugar, as belezas formam espécie de praia mineira, com areias brancas e águas fartas.

Diferentemente do Lapa Grande, que não tem infraestrutura para acomodação de turistas, no Rio Preto as condições são completas: inclui portaria, estacionamento e restaurante. O Centro de Visitantes possui um auditório para 70 pessoas, duas salas de reunião para 30 pessoas cada e uma sala para exposições.

Os 12 alojamentos podem abrigar até 52 pessoas e a área de camping comporta até 25 barracas e possui quiosques, churrasqueiras, lavatório de vasilhames, vestiários e fonte de água potável.

Na região do Circuito das Águas de Minas Gerais localiza-se o Parque Estadual de Nova Baden, no Território Sul. Diferentemente dos acima citados, os maiores atrativos são mais aventureiros, com muitas trilhas, como a de Sete Quedas, que chega à cachoeira de mesmo nome, a dos Troncos e a dos Palmitos. A água também é importante elemento da composição de paisagens.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui