Patrimônio de candidatos a vereador em João Monlevade vai de zero a mais de R$ 2 milhões

Câmara de João Monlevade: disputa pode ter 280 candidatos para 15 cadeiras

Os candidatos à Câmara de Vereadores de João Monlevade declararam à Justiça Eleitoral patrimônio que vai de zero a R$2,06 milhões. A declaração de patrimônio é obrigatória para quem disputa eleições. Todas as candidaturas estão aguardando por análise do Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE-MG). Se o Tribunal encontrar problemas, elas podem ser impugnadas.

O maior patrimônio de candidato a vereador é do servidor público federal Elizeu Assis (Podemos), que declarou ter R$ 2.060.000,00 em bens. O montante está distribuído, de acordo com informações prestadas à Justiça Eleitoral, em apartamentos, casa, livros e obras de arte.

A ex-secretária municipal de Saúde, Andrea Peixoto (Andrea da Saúde – PTB) é a segunda candidata a vereadora que aparece com mais bens declarados: R$1.588.191,22 entre casa, carros e investimentos bancários.

Já Maria Aparecida Ferreira Barros (Maria de Teca- PDT) é a terceira com maior declaração de bens. Ela informou à Justiça Eleitoral patrimônio de R$ 1.062.600,00. O montante é fruto de avaliações de carros, terrenos e depósito bancários.

Cerca de 100 candidatos ao cargo de vereador informaram à Justiça Eleitoral que não possuem bens. Entre eles está o atual parlamentar Fábio Lúcio da Silva (Fábio da Proethel-Cidadania), que tenta reeleição. Nas eleições passadas ele também afirmou não possuir bens a declarar.

MDB é o que tem mais candidatos

Concorrem a uma das 15 cadeiras da Câmara de João Monlevade 280 candidatos. O MDB é o partido com o maior número de postulantes ao cargo: 23. Em seguida aparece o PDT com 22, Republicanos, PSDB e PTB com 21 cada, Podemos, DEM e Avante com 20 cada, Cidadania com 19, PSD com 17, PL e PT com 15 em cada, Rede com 14, PSL com 11 e PC do B com 8 candidatos ao cargo.

A consulta aos candidatos pode ser feita aqui

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui