Pedófilo que abusou de pelo menos dez crianças e na região é indiciado pela PC

Nesta semana foi encerrado  inquérito instaurado pela Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) para apurar abusos sexuais de crianças, ocorridos ao longo dos anos de 2017 e 2018. Um homem de 23 anos foi indiciado por estupro de vulnerável, tendo como vítimas sete meninos, com idades entre 9 e 13 anos, e por assédio sexual por meio da internet, tendo como vítimas dois meninos, com as mesmas idades. Os crimes aconteceram em Itabira.

No procedimento, foram colhidos elementos concretos, demonstrando que o investigado praticou atos libidinosos e assediou sexualmente, por meio da internet, diversos meninos de 9 a 13 anos de idade.

De acordo com as apurações, algumas vezes com a ajuda de uma adolescente de 15 anos, o suspeito ficava em frente a escolas do bairro Gabiroba e convencia crianças a irem até a casa dele, prometendo-lhes quantia em dinheiro, doces, biscoitos, aparelhos telefônicos e a utilização de aparelho de videogame. No local, estuprava as vítimas.

Em outra prática bastante utilizada pelo investigado, foram solicitadas a algumas crianças, através da rede social Facebook, fotos dos seus órgãos genitais. Diante dos fortes indícios colhidos ao longo das investigações, a Polícia Civil representou pela prisão temporária do suspeito, que foi cumprida no dia 28 de março deste ano.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui