Das 28 vítimas do acidente envolvendo um ônibus na tarde de ontem (4), no km-350 da BR-381, em João Monlevade, 14 seguem internadas no Hospital Margarida, conforme a casa de saúde.

Na manhã deste sábado (50), a mineradora Vale enviou um equipamento para o local do acidente para remover o que sobrou do ônibus. Isso porque um caminhão guincho tradicional não conseguia chegar ao local.

Os destroços do veículo foram levados para o Pátio do Detran na cidade.

Pela manhã o Hospital Margarida informou que os pertences das vítimas, que foram recolhidos no local, foram entregues na unidade de saúde.

Um boletim médico sobre o estado de saúde delas das vítimas foi divulgado por volta das 13h. Todas as crianças, que receberam alta permanecem no local aguardando liberação das mães, que ainda estão internadas. No momento 10 pessoas permanecem hospitalizadas, duas delas no CTI, sendo uma em estado grave.

Já a Prefeitura de João Monlevade informou que, dos sete pacientes que receberam alta, seis foram levados para o albergue municipal e estão recebendo o apoio durante o tempo que permanecerem lá, e uma mulher seguiu para Belo Horizonte. Informou ainda que familiares das vítimas internadas, que chegam à cidade, também estão sendo acolhidas.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui