PM aprende 34 buchas de maconha no Promorar e barra de crack no São João

A Polícia Militar de João Monlevade não tem dado trégua aos marginais que atuam na cidade, e isso tem gerado grande repercussão positiva na cidade.

Esta semana várias ocorrências com apreensões de armas de fogo, drogas, munições, veículos recuperados e produtos furtados ou roubados foram registradas.

Desde a tarde de ontem (22) até a madrugada desta quinta-feira (23) pelo menos seis pessoas foram detidas pelos crimes de tráfico de drogas e roubos.

Segundo a Polícia Militar, durante patrulhamento pelo Bairro Promorar, militares do Pelotão de Recobrimento Tático Móvel receberam informações que indivíduos estariam comercializando entorpecentes no bairro. Seis menores de idade foram apreendidos e dois homens presos. Com eles os policiais encontraram 34 buchas de maconha, cerca de R$90,00, e pelo menos quatro celulares roubados.

Segundo a polícia, alguns dos os aparelhos foram roubados ontem e em datas anteriores.

Os oito detidos foram levados para a Delegacia de Polícia Civil juntamente com os materiais apreendidos.

Em outra ocorrência no bairro Loanda, os militares do Seto1, área central da cidade, juntamente com a equipe do Grupo de Prevenção Ostensiva Motorizada – Gepmor – apreenderam um tablete de crack pesando cerca de 1kg.  O dono da droga oi identificado através de um bilhete de ônibus como sendo um morador do bairro São João. O crack estava com o passageiro de um táxi, que foi abordado no Loanda.

O taxista informou para a polícia que teria pegado o passageiro na rodoviária e que ele estaria em um ônibus da Nacional Turismo, que vinha de BH com destino a Mutum. O dono do entorpecente fugiu deixando a bagagem no porta malas do táxi. Ele ainda não foi localizado.

Já na madrugada desta quinta-feira, militares apreenderam uma arma de fogo tipo Carabina calibre 38, municiada com 10 cartuchos no bairro São João, que pertencia a um dos membros da quadrilha rival daquela presa em operação na última terça-feira (21), que resultou na prisão de seis homens.

 

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui