PM quebra ponto de tráfico em João Monlevade

Os materiais foram apreendidos durante Operação Tiradentes Adsumus

A Polícia Militar de  João Monlevade deu início ontem (24) a “Operação Tiradentes Adsumus”, que é realizada simultaneamente em todo o país. Na ação, os policiais do Comando Tático, juntamente com a equipe de recobrimento Tático Móvel e Gepmor, realizaram monitoramento de uma  residência do bairro Tanquinho 1, onde foi confirmado a prática de tráfico de drogas. No local, foi preso um homem de 25 anos e apreendidas 133 pedras de crack que estavam escondidas num armário da cozinha da casa. O entorpecente estava embalado e pronto para ser comercializado.

Quando os policiais estavam na casa apontada como ponto de venda de drogas, flagraram quatro homens com idades entre 19 e 25 anos tentando esconderijo numa moradia vizinha. O bando foi detido com duas  espingardas de fabricação caseira, um revólver calibre .22 e uma réplica de pistola. Eles foram detidos por porte ilegal de arma de fogo. Durante a ação também foram apreendidos um relógio, seis aparelhos celulares e R$ 32,00.

A “Operação Tiradentes Adsumus” foi coordenada pelo Conselho Nacional de Comandantes-Gerais das Polícias Militares e dos Corpos de Bombeiros do Brasil e executada pela forças militares estaduais em âmbito nacional para implementar ações de segurança e proteção da integridade pública.

Essa é a terceira edição da “Operação Tiradentes” e uma das principais estratégias que são o ponto de partida para outras várias ações dos militares. A data e o nome da operação foram escolhidas pelo Conselho Nacional de Comandantes Gerais, por conta do dia 21 de abril, Dia de Tiradentes. A operação foi encerrada às 07h na manhã de hoje (25).

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui