Nesta quinta-feira (12), a Polícia Militar de Minas Gerais  informou que todo o efetivo da corporação, 38 mil agentes, estarão a postos para os trabalhos até o próximo domingo (15), dia das eleições municipais.

Tropas especializadas, como o Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), Batalhão de Choque e Batalhão Rotam também serão usadas. Além dos militares e viaturas, mais de 60 drones serão empenhados.

O diretor operacional da corporação, coronel Alexandre Magno de Oliveira disse que o planejamento da operação ‘Eleições Municipais 2020’, começou em agosto, integrado com as demais forças de segurança do Estado. Diante dos levantamentos pelo setor de inteligência, foi constado que em municípios menores há acirramento eleitoral. Em algumas localidades, a briga pelo voto poderia gerar, inclusive, a violência. Com isso, serão enviados para essas cidades 550 militares.

Entre os destinos mais distantes estão as cidades de Comendador Gomes, no Triângulo Mineiro, a 540 quilômetros da capital; Santa Helena de Minas, no Vale do Jequitinhonha, a 637 quilômetros; e Crisólita, também no Jequitinhonha, a 435 quilômetros de Belo Horizonte.

 

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui