Polícia Civil prende estelionatária que facilitava obtenção da CNH

A mulher foi presa esta semana em Ipatinga

Durante operação realizada pela Polícia Civil de Minas Gerais, em Ipatinga, uma instrutora de autoescola, de 44 anos, residente em Coronel Fabriciano, foi presa em cumprimento a mandado de prisão preventiva expedido pela justiça local.

Segundo a Polícia Civil as investigações, que se iniciaram há seis meses na Delegacia Regional de Ipatinga, demonstraram que a instrutora cobrava R$ 2 mil reais de candidatos por uma pretensa facilitação na obtenção da Carteira Nacional de Habilitação.

Foi apurado que a suspeita não tinha qualquer relação com os examinadores do Detran ou qualquer outro funcionário das Unidades Policiais, induzindo os candidatos a erro. A estelionatária simulava um suposto acordo que teria feito com os examinadores do Detran nas provas de exames de rua.

Somente nos últimos meses, a suspeita enganou cerca de sessenta candidatos, recebendo deles a quantia aproximada de R$ 120 mil reais. Recentemente, a Polícia Civil, em Ipatinga e região, já efetuou a prisão de quatro instrutores de autoescolas que agiam da mesma maneira.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui