Polícia Civil investiga quadrilha de estelionatários que vendia lotes em Monlevade

Divulgação Polícia Civil

Quatro pessoas estão sendo investigadas pela Polícia Civil, em João Monlevade, por estelionato na venda de lotes nos bairros Cidade Nova e Nova Aclimação. A quadrilha foi detida após cumprimento de mandados de busca e apreensão por investigadores da 4ª Delegacia Regional de Polícia Civil de João Monlevade.

Uma das vítimas denunciou os investigados depois de verificar o IPTU de um lote vendido pelo bando. Ao procurar a Prefeitura para verificar o imposto, foi comunicada que o terreno era de uma terceira pessoa. Na transação, a vítima pagou R$ 20 mil e transferiu um carro de sua propriedade a um dos investigados.

Perfis com nomes falsos foram usados em redes sociais na transação comercial com a referida vítima.

De acordo com a Polícia Civil, foram apreendidos diversos documentos, cheque furtado, uma placa com aviso “Vende-se Lotes”, um veículo de uma das vítimas que denunciou o crime, além de planta falsa de loteamento. Contratos de compra e venda de outras possíveis vítimas também foram apreendidos pelos investigadores.

A Polícia Civil acredita que a quadrilha possa ter lesado mais pessoas em João Monlevade e região. Vários lotes falsos no valor de R$ 40 mil foram oferecidos pelos investigados. Quem comprou terrenos por contrato de compra e venda nos bairros Cidade Nova e Nova Aclimação deve procurar a Delegacia de Polícia Civil em João Monlevade.

A 4ª Delegacia Regional de Polícia Civil representou pela prisão dos envolvidos sob justificativa de que se os investigados permanecerem em liberdade poderiam prejudicar a conclusão do inquérito policial e até um possível ressarcimento das vítimas.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui