Polícia Civil prende suspeito de ser mentor do latrocínio em Rio Piracicaba

A Polícia Civil de Rio Piracicaba prendeu nesta sexta feira-feira (31), João Bosco Machado, suspeito de ser o mentor do crime de Latrocínio que vitimou o taxista José Mateus Cornélio, no início da semana.

Segundo a Polícia Civil, os trabalhos foram coordenados pelo delegado regional Alberto Gomes Vieira e as investigações apontaram que  João Bosco teria arquitetado o crime. Ele teria mandado Artur Henrique Quaresma Santiago – preso no dia seguinte do latrocínio – roubar o carro de um determinado taxista e após o roubo, levar o carro a um desmanche e trocá-lo por duas armas de fogo, sendo que uma das armas ficaria para Artur.

Diante das investigações o Poder Judiciário de João Monlevade expediu um mandado de prisão em desfavor de João Bosco que foi levado para a Delegacia de Polícia Civil e após ser ouvido, foi encaminhado ao Presídio da cidade onde ficará à disposição da Justiça.

Fonte e foto – Polícia Civil

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui