O suspeito foi preso e as armas apreendidas na operação

A Polícia Militar de Meio Ambiente, de João Monlevade, realizou por volta das 14h dessa terça-feira (2), uma operação de fiscalização de uso e intervenção em recursos hídricos, efetuando patrulhamento com o intuito de coibir ações criminosas, e ilícitos ambientais na cidade e região.

Após receber informações de um possível fabricante de armas em João Monlevade, os policiais foram averiguar a denúncia.

Em contato com o suspeito, ele admitiu aos policiais possuir uma arma de fogo e permitiu a entrada da equipe policial em sua residência perante testemunhas.

Realizadas as buscas, foram encontradas uma garrucha cal .32, dois garruchões calibre 28 e calibre 12, de fabricação artesanal, uma munição cal. 32, 04 cartuchos cal 28 vazios, 01 cartucho cal 12 vazio, um frasco de pólvora, 04 canos de metal e sete molas usadas para fabricar armas.

Diante dos fatos, ele  foi conduzido à autoridade de Polícia Judiciária, que ratificou a prisão em flagrante delito. Os materiais foram apreendidos e também entregues na Delegacia da Polícia Civil.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui