Praça de Monlevade é adotada por moradores de ruas; brigas e uso de drogas são constantes

As brigas acontecem com frequência no local. Foto: Reprodução/Redes Sociais

A presença constante de pessoas em situação de rua na praça Domingos Silvério, que fica na região central de João Monlevade, tem incomodado quem precisa passar pelo local, comerciantes e os usuários do transporte coletivo. Isso porque os sem teto pedem dinheiro, comida e constantemente são flagrados deitados num canto da praça ou brigando entre si.

Recentemente, um deles chegou a pegar um tapete de um dos estabelecimentos que tem a entrada na praça e usou o carpete como colchão. Num outro caso, um homem puxou os cabelos de uma mulher que passava pela praça e a agrediu.

Além desses casos, é possível flagrar desocupados usando drogas ou bebidas alcoólicas na praça e em suas imediações.  O “beco” que liga a rua Alberto Sharle e a avenida Getúlio Vargas, é um dos lugares escolhidos pelos desocupados para usar drogas. Eles aproveitam que há carros estacionados na rua apertada para se esconderem.

À reportagem do site O Popular, a Polícia Militar disse que o policiamento na praça será reforçado “inclusive com realização de operações policiais”.

A PM reforçou ainda que “quem for encontrado na prática de qualquer crime será preso em flagrante, e que a população poderá ligar para o 190 caso se depare com qualquer situação de “quebra” da ordem pública”.

Publicidade

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui