Prefeitura faz balanço de ações em prol de atingidos pelas chuvas em João Monlevade

Segundo Marinete, foram 14 famílias abrigadas, totalizando 41 pessoas, sendo nove crianças

De acordo com informações da Secretaria Municipal de Assistência Social da Prefeitura de João Monlevade, cerca de 160 famílias foram cadastradas como atingidas pelas chuvas até a última quarta-feira (18), totalizando, aproximadamente, 500 pessoas atingidas. A pasta também ressaltou que o trabalho é feito com o auxílio da Procuradoria Jurídica, da Chefia de Gabinete e Assessoria de Governo do município.

As famílias atingidas são da rua Tapajós, Tocantins, Beira Rio, Rua C, Rua B, Timbiras e avenida Amazonas, nos bairros Santa Cruz e Centro Industrial. Também há famílias atingidas nos bairros Santa Cecília e Promorar. As famílias abrigadas na Escola Municipal Alberto Scharlê, no bairro Vila Tanque, começaram a deixar o local na tarde da última segunda-feira (17).

De acordo com a secretária de Assistência Social, Marinete da Silva Morais, desde o dia 8 de janeiro (sábado), a Secretária esteve presente em diversas casas solicitando a saída dos moradores, já que o nível do rio Piracicaba se elevou e havia o alerta da Defesa Civil Municipal. Já no dia 9 (domingo), com o agravamento da situação, as famílias desabrigadas foram recebidas da Escola Municipal Eugênia Scharlê, onde foram devidamente instaladas, com segurança, higiene e conforto. “Logo começamos a receber doações de diversas organizações, pessoas físicas, empresas e instituições religiosas. O espaço na escola foi organizado em salas para acolher os desabrigados, sala para receber doações de calçados, roupas, roupas de cama e banho e uma sala para receber doações de água, gêneros alimentícios, material de limpeza e higiene pessoal”, afirmou a secretária.

Ainda segundo Marinete, foram 14 famílias abrigadas, totalizando 41 pessoas, sendo nove crianças. As famílias também receberam atendimento médico na Unidade de Saúde do Vila Tanque e atendimento psicológico da Assistência Social. Café da manhã, almoço, café da tarde e jantar também foram servidos.

Marinete também ressaltou que as arrecadações de material de limpeza e higiene pessoal foram organizadas em kits e a Secretaria está entregando a cada família em seu domicílio. O trabalho conta com o apoio de profissionais de diversas secretarias, dentre elas, secretarias de Obras e Serviços Urbanos, de Educação, Esportes e Lazer e Fundação Municipal Crê- Ser. “Vale ressaltar a importância da atuação de voluntários no serviço de entrega de refeições, transporte, carregar e descarregar doações e na organização das mesmas. Agora é continuar a entrega das doações a partir do cadastro, atender as demandas em relação à perda de documentos e o efetivo acompanhamento das famílias. Importante ressaltar que muitas famílias foram abrigadas por parentes e amigos. Considerei muito significativo a manifestação de solidariedade do povo de João Monlevade. Me chamou muita a atenção a vontade das pessoas em ajudar e também a gratidão das pessoas ajudadas, o reconhecimento. A disposição do voluntariado também tem um grande mérito e importância”, destacou Marinete.

Apoios

Várias empresas e pessoas físicas ajudaram os atingidos pelas chuvas com doações diversas, além da disponibilização de caminhões, máquinas e equipamentos para atuar na limpeza de casas, ruas, praças e avenidas. Além disso, diversas pessoas trabalharam como voluntárias, ajudando as famílias.

Em vídeos e entrevistas à imprensa, o prefeito Dr. Laércio Ribeiro (PT) e o vice-prefeito Fabrício Lopes (Avante) agradeceram o empenho, dedicação, solidariedade, a ajuda de todos e a união em um momento tão difícil.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui