Com a dupla a polícia apreendeu grande quantidade de drogas

A Polícia Militar de Itabira pendeu na manhã desta quarta-feira (5) dois homens suspeitos de praticarem assaltos na cidade e em João Monlevade. Três motos roubadas também foram apreendidas na operação, além de drogas e uma balança de precisão.

Por voltas de 10h a polícia recebeu uma comunicação que uma motocicleta tinha acabado de ser roubada na Vila Santa Rosa. Um dos suspeitos de 20 anos, foi abordado quando caminha pela Avenida Mauro Ribeiro Lage, após deter deixado uma das motos estacionada atrás de um veiculo. Na cintura dele foi encontrado um simulacro de uma pistola.

De acordo com Policia Militar ao ser consultada a placa do veiculo deixado pelo suspeito constataram que ela havia sido tomada de assalto minutos antes. A vítima contou que seguia do Bairro Água Fresca quando foi abordado pelos autores com arma de fogo, aparentando ser uma pistola, e mandaram que ele descesse da moto e saísse correndo.

No momento da fuga os suspeitos deixaram cair uma marreta, que foi apreendida. Em conversa com o suspeito, ele contou aos Militares que roubaram a moto para cometer assaltos em casas lotéricas.

Durante o rastreamento a equipe policial recebeu denúncias sobre o segundo suspeito, de 22 anos, que havia fugido. Ele acabou detido no bairro Madre Maria de Jesus. Com ele a polícia apreendeu uma blusa com capuz usada no assalto, sete pacotes contendo pinos de cocaína, meia barra de maconha, 97 buchas de maconha, aparelhos celulares, binóculo, touca ninja e rádio comunicador.

Após os levantamentos de informações através do Serviço de Inteligência do 26° Batalhão foi verificada participação dos autores em ocorrência de assaltos na cidade de João Monlevade, assalto a uma drogaria no bairro Gabiroba.

As Motocicletas, uma delas com placa de João Monlevade, foram apreendias e removidas ao pátio credenciado do DETRAN na Vila Paciência.

Os detidos e todos os materiais apreendidos foram encaminhados para a Delegacia de Policia Civil onde o Delegado de plantão tomaria as providencias cabíveis.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui