PRF registra queda no número de acidentes durante feriado de carnaval

Rapazes foram apreendidos e fiscalização da PRF (Foto: Ilustração)

A PRF, Polícia Rodoviária Federal, registrou o carnaval menos violento das estradas federais do país em quatro anos. Em relação a 2017 os acidentes diminuíram 14%.

O  reforço na fiscalização foi principalmente nos estados da Bahia, Minas Gerais e Santa Catarina, onde, segundo a PRF, registraram maior incidência de acidentes graves nos carnavais dos últimos cinco anos.

Além da redução no número de acidentes, também diminuiu a quantidade de mortes. Na avaliação do porta voz da PRF, Diego Brandão, uma série de ações motivaram a queda desses números e garantiram um feriado mais tranquilo.

A operação da PRF começou no último dia 09 e se estendeu até essa quarta feira. De acordo com a corporação, ainda que os dados deste carnaval sejam positivos, o número de feridos e mortes impressiona.

Neste feriado, cerca de 1500 pessoas ficaram feridas e 103 morreram em decorrência de acidentes de trânsito. Mas, há um indicativo de que parte dos motoristas brasileiros está mudando a conduta em relação no  trânsito.

Neste carnaval, houve 25% menos autuações por falta do uso de cinto de segurança; menos 14% de autuações a motociclistas por falta de capacete, e queda também nas ultrapassagens irregulares, de 15% em relação a 2017.

Mesmo com a expressiva queda de 20% de condutores flagrados sob efeito de álcool, existem motoristas que insistem em beber e dirigir. Em todo o país, 1.600 foram autuados por embriaguez ao volante e 172 foram detidos.

Em relação a criminalidade nas rodovias federais, foram registrados flagrantes de porte de maconha, num total de uma tonelada; e de cocaína, com 87 quilos apreendidos. Os policiais também apreenderam 41 armas de fogo e quase 10 mil munições.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui