Produtores de São Gonçalo participam da Agriminas em Belo Horizonte

Os produtores rurais de São Gonçalo do Rio Abaixo participaram da 12ª Feira de Agricultura Familiar de Minas Gerais (Agriminas). Promovida pela Federação dos Trabalhadores da Agricultura do Estado de Minas Gerais (Fetaemg), o evento ocorreu de 11 a 15 de abril na Serraria Souza Pinto, em Belo Horizonte.

Anúncios

O município foi representado pelas quitandas de Eva Silveira, da comunidade de Rio Claro; chips de bananinha frita, bananinha doce, bananinha com pimenta, batata doce, baroa, jiló e farofa de banana Aparecida Santos, da localidade de São Gabriel e canjiquinha e fubá de Andréa Gonçalves, de Gralhos.

Continue lendo após o anúncio

Nayara Paloma dos Santos, 23, que trabalha com os pais na fabricação dos produtos de São Gabriel, conta que é a terceira vez que participam da Agriminas. Segundo ela, a Feira é um grande incentivo ao negócio da família. “Há três anos começamos a expor em eventos, o que melhorou o nosso financeiro. Como vimos que estava aumentando a venda, a gente resolveu investir numa embalagem mais bonita para valorizar o produto”, ressalta.

A extensionista da Emater, Sônia Maria Costa Azevedo, que acompanhou os expositores de São Gonçalo, afirma que a Agriminas possibilita o intercâmbio de experiências entre agricultores, além de dar visibilidade aos produtos e potencializar a abertura de novos canais de comercialização. “Os produtores são-gonçalenses recebem orientação, transporte, hospedagem, alimentação, enfim, têm todo apoio por parte da Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura, da Emater e da Fetaemg, como incentivo para participarem do evento”, destaca.

Agriminas

A Agriminas é uma oportunidade de abrir novos mercados para os produtos da agricultura familiar. O evento é um importante espaço para a promoção de produtos da agroindústria artesanal mineira, além de criativas e diversificadas peças de artesanato. Tudo produzido em pequenas propriedades, onde o que prevalece são as relações familiares de trabalho.
Na feira são encontrados variados produtos de todo o estado, a começar por aqueles que não podem faltar na mesa dos mineiros, do famoso queijo mineiro à tradicional cachaça, além de doces, biscoitos, licores, derivados do mel e da mandioca. São comercializados também artesanato rural em palha de milho e de banana, couro, pedras, cabaças, cerâmica, bambu, entre outros.

Anúncios
Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui