Projeto Vida Ativa atende diabéticos e hipertensos em João Monlevade

Os alunos, quando participavam do Projeto Vida Ativa, no Sindicato dos Metalúrgicos, com a fisioterapeuta Débora Cátia

Criado e implantado pela Prefeitura de João Monlevade, através de vários grupos de reabilitação, o Projeto Vida Ativa atende, principalmente, idosos, hipertensos e diabéticos em João Monlevade. Ao todo, estão sendo atendidos 602 idosos, 463 hipertensos e 136 diabéticos, podendo uma mesma pessoa estar em mais de um desses grupos.

Os encontros duram aproximadamente uma hora e são acompanhados por fisioterapeutas, enfermeiros e agentes comunitários. As atividades são desenvolvidas na Arpas, na Vila Tanque; na quadra do bairro Laranjeiras; nas igrejas Santa Rita, no bairro Santa Bárbara, e Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, no bairro Loanda; no Sindicato dos Metalúrgicos, no José Elói; no Centro de Saúde do Santo Hipólito; no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), no bairro Novo Cruzeiro; na secretaria da Paróquia São Luís Maria de Montfort, no Cruzeiro Celeste; no galpão do Movimento dos Sem Casa, no Estrela Dalva, e nos centros comunitários do Cruzeiro Celeste, Industrial/Ipiranga, Boa Vista, Rosário, Lucília e Promorar.

Conforme o coordenador do Serviço de Fisioterapia Municipal (Sefim), Paulo Roberto Reis, “a intenção é abrir novos grupos na cidade para melhorar cada vez mais a qualidade do serviço”.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui