Raposa continua na zona de rebaixamento da série B

Jogando fora de casa contra o líder da competição, o Cruzeiro sofreu gol nos acréscimos e foi superado pelo Cuiabá por 1 x 0, na noite deste sábado (3), na Arena Pantanal, na capital do Mato Grosso, pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

O time celeste, que volta a campo contra o Sampaio Correa, na próxima quinta-feira (8), no Mineirão, começou bem na partida e, mesmo jogando fora de casa, contra o primeiro colocado da competição e diante de um calor muito forte, comandava as ações e buscava sempre o ataque.

O primeiro lance de perigo da Raposa foi aos 7 minutos, em uma bomba de Filipe Machado, acima do gol.

Aos 14, Sassá quase abriu o marcador, em um chute cruzado da entrada da área, que o goleiro João Carlos fez grande defesa e colocou a bola para escanteio.

A equipe da casa, invicta na Arena Pantanal em 2020, foi empurrada para o seu campo de defesa e só conseguiu incomodar a zaga da Raposa aos 43 minutos, em um cabeceio de Jenison, no travessão. No rebote, Maxwell chutou para o gol e Matheus Pereira salvou o Cruzeiro. Ainda teve outro rebote e o mesmo Matheus Pereira tirou a bola quase em cima da linha, após cabeceio de Jean Patrick.

Nos acréscimos, o time mineiro quase surpreendeu o goleiro João Carlos, em um cabeceio de Ramon e um chute colocado de Régis, ambos para fora.

Segundo tempo

O Cruzeiro seguiu com mais posse de bola na etapa final e bem posicionado em campo, evitando a criação das jogadas do adversário e dando trabalho ao goleiro João Carlos, que fez boas defesas em finalizações de Maurício e Filipe Machado.

Já a equipe mato-grossense quase não se arriscava no ataque, tanto que Fábio pouco trabalhou, como no chute de Yago, de fora da área, nas mãos do goleiro cinco estrelas.

Time que mais buscou a vitória durante todo o jogo, a Raposa foi penalizada no último lance da partida, em um contra-ataque em velocidade, que culminou em um cabeceio de Felipe Marques, sem chance alguma para o goleiro Fábio.

Bruno Haddad/Cruzeiro
Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui