Em um trajeto de 20 km, um grupo de quase 30 pessoas percorreram parte do Caminho Religioso da Estrada Real rumo à Aparecida do Norte

Neste último sábado (09), passaram por Santa Bárbara, os peregrinos do Caminho Religioso da Estrada Real (Crer). A viagem se faz para comemorar os 250 anos de peregrinação à ermida da padroeira de Minas e o tricentenário de aparição da imagem da Padroeira do Brasil.

Rumo à Aparecida do Norte (SP), a caminhada iniciou no dia 3 de setembro no San­tu­á­rio Nos­sa Se­nho­ra da Pi­e­da­de em Caeté (MG), em jor­na­da de 37 di­as, passando por 38 mu­ni­cí­pi­os, num total de 801 qui­lô­me­tros.

Para acompanhar os peregrinos, além do vice-prefeito, Alcemir Moreira, cerca de 20 pessoas de Santa Bárbara se juntaram ao grupo de quase 10 pessoas do projeto, considerando caminhantes e equipe de apoio. Equipe, esta, composta por dois carros e um cavaleiro.

Para o Vice-prefeito, foi muito válida a oportunidade, não apenas pela satisfação na realização do percurso, mas também pela possibilidade de conhecer de perto o projeto e poder viver a sua realidade para, assim, pensar novos projetos nesse sentido. Entre os participantes, o relações públicas Cláudio Leão, de 51 anos, é um dos peregrinos que cumprirão todo o trajeto. Para ele, o projeto tem permitido enxergar o percurso com outros olhos, permitindo uma interação melhor com as comunidades que compõem o Caminho Religioso da Estrada Real, até mesmo para diálogos futuros sobre o desenho do trajeto.

Em uma bela manhã de sol, o grupo partiu de Santa Bárbara, em frente à Matriz, às nove da manhã, chegando a Catas Altas pouco depois da duas da tarde, em um total de aproximados 20 quilômetros. Um percurso que permitiu interação entre os participantes de diversas cidades, apreciação das paisagens montanhosas de Minas e concentração para aqueles que curtiram o propósito religioso do circuito.

Em parceria ao projeto na cidade, a Prefeitura ofereceu dois lanches, para saída e chegada ao destino, além de ambulância de apoio com motorista e profissional técnico de saúde.

O tra­je­to de 801 qui­lô­me­tros se­rá cum­pri­do a pé, de bi­ci­cle­ta, a ca­va­lo e em ji­pes 4×4. Con­for­me o ca­len­dá­rio, a par­ti­da de um gru­po a ca­va­lo se­rá em 17 de se­tem­bro os ci­clis­tas pe­da­lam a par­tir do dia 24 e os con­du­to­res dos veí­cu­los off road da­rão a lar­ga­da em 1º de ou­tu­bro. O en­con­tro de to­dos se­rá em 8 de ou­tu­bro, em Gua­ra­tin­gue­tá (SP), se­guin­do no dia se­guin­te pa­ra o San­tuá­rio de Nos­sa Se­nho­ra Apa­re­ci­da, que te­rá a gran­de fes­ta em 12 de ou­tu­bro. Quem qui­ser se unir ao gru­po po­de en­viar e-mail pa­ra con­ta­[email protected]­crum­bra­si­li­da­des.com ou li­gar pa­ra (31) 3564-4833.

Ao la­do da Ar­qui­dio­ce­se de BH, par­ti­ci­pam da em­prei­ta­da a Fe­de­ra­ção do Co­mér­cio de Bens, Ser­vi­ços e Tu­ris­mo do Es­ta­do de Mi­nas Ge­rais (Fe­co­mér­cio MG), Fe­de­ra­ção das In­dús­trias do Es­ta­do de Mi­nas Ge­rais (Fie­mg), Se­brae Mi­nas, Con­fe­rên­cia Na­cio­nal dos Bis­pos do Bra­sil (CNBB), PUC Mi­nas, go­ver­nos de Mi­nas e de São Pau­lo, com as
se­cre­ta­rias es­ta­duais de Tu­ris­mo, e ou­tras ins­ti­tui­ções dos dois es­ta­dos.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui