O diretor do presídio de João Monlevade, Eliziário Almir dos Santos, informou que dois detentos que cumprem pena na unidade prisional instalada na cidade devem ser beneficiados com a saída temporária de final de ano.

Segundo o diretor, nos próximos dias, mais detentos também podem receber o benefício da Justiça. Ele também explicou que o número só não é maior porque alguns apenados já usufruíram do benefício em datas anteriores.

A data da saída dos detentos do presídio não foi informada. No entanto, é sabido que quem não retornar será considerado foragido da Justiça.

Por lei, os detentos podem receber até cinco saídas temporárias durante o ano. Os beneficiados com a saída temporária não podem frequentar locais públicos, como bares e casas noturnas, e são proibidos de permanecerem na rua após às 22h.

Neste período de saída temporária, a Polícia Militar monitora os detentos que foram liberados. Caso sejam flagrados descumprindo as normas, são levados novamente para a delegacia, onde são adotadas as medidas cabíveis.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui