São Gonçalo gera 388 empregos em três meses

São Gonçalo do Rio Abaixo

Pela 1ª vez em 2019, São Gonçalo do Rio Abaixo dá indícios de reaquecimento econômico e volta a contratar mais que demitir. Nos últimos três meses, no período compreendido entre agosto e outubro, o município registrou 388 admissões. O saldo é positivo e representa novos postos de trabalho formais em diversos setores.

Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE). São Gonçalo está inserida na microrregião de Itabira e o setor que mais gerou empregos no município foi o da indústria de transformação, com 133 vagas, o que representa 34,27% das admissões. Entende-se por indústria de transformação, o sistema de produção que transforma um elemento em outro, ou seja, uma matéria-prima em um bem.

Já o setor de extrativa mineral foi o segundo no ranking na geração de empregos com 81 novas admissões, representando 21,89%. Na sequência, aparecem 59 novas vagas na construção civil; 55 admissões no setor de serviços;  50 vagas no comércio e 10 novos postos no setor de agropecuária, extração vegetal, caça e pesca.

A política de geração de empregos implantada pela Prefeitura de São Gonçalo com cessão de áreas e isenção de impostos, dentre outras ações, contribui para o saldo positivo de admissões. Isso porque 13 empresas operam nos Distritos Industriais I e II gerando 258 empregos diretos e número mais elevado em empregos indiretos. O laticínio Minas Mais é a mais recente empresa instalada na cidade, sendo inaugurada em setembro passado, no Distrito Industrial I, gerando inicialmente 18 empregos diretos.

O prefeito de São Gonçalo Antônio Carlos Noronha Bicalho credita o sucesso do saldo positivo na geração de empregos a vários fatores. “Avalio que ampliação de ofertas de novos postos de trabalho no município está aliada ao crescimento das atividades industriais, às várias obras realizadas pela Prefeitura no município, à ampliação da Mina de Brucutu, além das inúmeras ações que seguimos desenvolvendo para promover o empreendedorismo e atrair novos investimentos em nossa cidade. É uma engrenagem que só funciona com uma série de fatores concomitantemente”, ressalta.

Ranking de empregos por setor / São Gonçalo do Rio Abaixo

Extrativa mineral – 81 vagas

Indústria de Transformação – 133

Construção Civil – 59

Comércio – 50

Serviços – 55

Agropecuária, Extração Vegetal, Caça e Pesca – 10

Fonte:  Caged / MTE

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui