O isolamento social, usado para evitar a propagação da pandemia do novo coronavírus, fez com que a população buscasse novos hábito de consumo. Dessa maneira, com lojas, bares e restaurantes fechados, as compras online apresentaram um crescimento significativo. Para se ter uma ideia, de acordo com a Conversion, somente no mês de maio, os principais sites de e-commerce brasileiros registraram 1 bilhão de visitas e um crescimento médio de 51% de audiência em relação a fevereiro, período anterior à pandemia.

Nesse contexto, alguns setores se destacaram em crescimento, como o de eletrônicos (136,72%), moda (95,27%), casa & móveis (85,39%), Pet (65,56%) e comida (61,40%). Mas uma área que vem chamando atenção é a do mercado de sex shop. De acordo com um levantamento das plataformas Zoom & Buscapé, a maioria dos itens vendidos nessas lojas apresentaram um crescimento de 30% na procura, em comparação a janeiro.

Já uma outra pesquisa, feita pelo portal MercadoErotico.Org, apontou que a evolução na busca por produtos eróticos, tem garantido bons resultados para empreendedores virtuais desse segmento. De acordo com o levantamento, os produtos de sex shop foram vendidos 4,12% a mais em relação ao mesmo período do ano passado. Com isso, alguns produtos se destacam, como os vibradores, por exemplo, que obtiveram um aumento de 50%, somando mais de 1 milhão de itens dessa categoria comercializados em todo o país desde março.

Anúncios

Embora a praticidade de comprar em um sex shop virtual seja atraente, existem alguns cuidados que você deve tomar na hora de fechar um negócio online. Sendo assim, separamos cinco dicas para que você realize sua compra com prazer, evitando dores de cabeça futuramente. 

Identifique o selo certificador da Abeme

Toda loja credenciada pela Associação Brasileira das Empresas do Mercado Erótico e Sensual (Abeme), possui um selo que as certifica. É uma forma de oferecer ao consumidor uma compra segura e com a garantia de que a loja é confiável. Ou seja, diminui os riscos de golpe.

Confira o registro dos cosméticos 

Tenha cuidado redobrado com todos os tipos de produto que possuem aplicação direta ao seu corpo. Sua pele precisa de ser sempre cuidada e o uso de cosméticos desconhecidos pode comprometer a sua saúde. Então, não se esqueça que antes de comprá-los, tenha certeza de que estão devidamente registrados na Anvisa.

Conheça o produto

Leia as informações. Muitas vezes o impulso para adquirir um objeto acaba atrapalhando na busca aos detalhes. Mas tenha em mente que nem sempre todas as dúvidas são sanadas com as informações de pesquisa. Portanto, não tenha receio em conversar com as equipes de atendimento da empresa, que estão disponíveis para isso.

Pesquise a marca 

Faça um balanço e observe em quantos sites, do mesmo segmento, a marca que você deseja está disponível. Esse pode ser um bom termômetro para saber se a marca é confiável ou não. Quanto maior o número de e-commerce vendendo determinado selo, mais chances de ser um produto de uma empresa segura. 

Investigue a reputação da loja

Na compra de produtos eróticos, boa parte da população preza por privacidade. Logo, confira se a loja possui boa reputação quanto a isso. Busque saber como funciona a entrega e como são as embalagens. Tudo isso são fatores que permitem uma compra de sucesso. 

 

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui