Serra do Seara arde em chamas mais uma vez

Do bairro satélite é possível ver fumaça densa proveniente de queimada na Serra do Seara (Bell Silva)

Um incêndio, que teve início na manhã desta terça-feira (29), destrói a mata que circunda a Serra do Seara, em João Monlevade. Uma imensa coluna de fumaça pode ser vista de boa parte da cidade. O incêndio, até o momento, está concentrado apenas na parte sul da montanha que faz divisa com a cidade de Rio Piracicaba.

Esta é a segunda vez em menos de 30 dias que uma queimada de grande proporção é registrada no local.

Em contato com a secretaria de Meio Ambiente, da Prefeitura de João Monlevade, Fernanda Ávila, ela informou que a brigada de incêndio da ArcelorMittal já foi comunicada e que as medidas de combate estão sendo tomadas. Uma equipe da Vale também está no local da queimada.

Embora comuns neste período de seca, os incêndios em vegetações vêm crescendo em Minas Gerais nos últimos anos.

Dados do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CBMMG) apontam um aumento de 23% no total de incêndios florestais em agosto de 2020 quando comparado com o mesmo mês do ano passado. A estimativa do Corpo de Bombeiros é que 90% dos incêndios ocorram por motivação criminosa.

 

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui