Hospital Margarida, em João Monlevade

A situação financeira do Hospital Margarida não sai da pauta de assuntos mais discutidos entre os vereadores de João Monlevade. O assunto que já foi tema de audiência pública e diversas reuniões, parece não ter solução. Apesar das discussões, a situação não mudou muito. Prova disso é que durante a reunião desta quarta-feira (14), da Câmara de Vereadores, os parlamentares voltaram a comentar sobre o tema.

A questão foi levantada pelo petista dor Belmar Diniz que comentou que está preocupado com a situação dacasa de saúde. Belmar levantou a questão dos financiamentos e refinanciamento realizado pelo hospital, que consome boa parte da verba para manutenção.

Anúncios
Continue lendo após o anúncio

O vereador Guilherme Nasser chamou a atenção para a necessidade do hospital começar gerar recursos próprios. Uma das formas que já foram discutidas anteriormente, seria a implantação de postos de coleta nas regiões do centro e o uso da lavanderia para serviços a terceiros.

A falta de colaboração dos municípios vizinhos para a manutenção do hospital foi mais uma vez debatida.  “Os municípios vizinhos não colaboram com os custos, apesar de usarem o hospital. Apenas Bela Vista de Minas repassa cerca de R$ 5 mil por mês” destacou Belmar.

Anúncios
Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui