Solidariedade

Solidariedade
A Colônia Bom Samaritano precisa que sejamos Samaritanos. A entidade passa por dificuldades e pode ter que dispensar 15 pessoas em tratamento por falta de recursos. Não vou entrar aqui no mérito político da coisa, até porque política mata, mas não mata fome. É uma questão de humanidade.
Quem puder doar alimentos não perecíveis (brutos da cesta básica) e materiais de limpeza, só deixar na secretaria da Colônia, que funciona no prédio da Sociedade São Vicente de Paulo (o popular prédio da Singer) próximo ao Comercial Monlevade.

Agradecimento
Para atender à necessidade mais urgente da Colônia, resolvemos fazer um mutirão na Faculdade Doctum de Monlevade. Os alimentos e materiais de limpeza arrecadados já foram encaminhados para a Colônia. Não poderia deixar de agradecer a cada um que contribuiu com essa corrente do bem. Que Deus abençoe e multiplique os bens de quem olha com amor para a necessidade do próximo.

Comentários
Dois assuntos renderam comentários na cidade essa semana: a reforma da Praça do Lindinho e o apoio de quatro vereadores ao polêmico Jair Bolsonaro. Sobre a Praça, confesso que também esperava mais. Mas pelo menos está entregue e fazia falta, pois aqueles tapumes bem no centro da cidade já estavam sufocantes.

Bolsonaro
Já sobre Bolsonaro, se os vereadores foram mesmo a Brasília prestar apoio ao político com dinheiro público sem que haja previsibilidade legal, devem ser punidos. Porém, se está tudo dentro da lei, a discussão é outra: moral. É preciso mudar a lei quando há o sentimento de “farra” com os recursos públicos. Agora, sobre o gosto político dos parlamentares, prefiro não comentar. Cada uma sabe de que lado está.

Desafio
Atualmente, talvez o maior desafio da carreira de professor seja enfrentar a praga do plágio que infesta as academias de todo o mundo. A informática e as ferramentas de “copiar e colar” nunca foram tão discutidas. Plágio é crime não só no mundo acadêmico, mas também na mídia (seja na música, na literatura, nos jornais, na TV, etc).
Copiar é atestado de falta de criatividade, o que não parece importar muito ao “copiador”. Mas ele também precisa levar em consideração que não custa nada citar a fonte. Além de ser mais ético, elimina-se o risco de uma ação judicial.

Musical
Pra quem ainda não conhece, vou deixar aqui uma dica musical. É o álbum “Revamp & Restoration”: disco duplo, idealizado por Elton John, que fez um convite a artistas da música pop e country para “reimaginar” as canções clássicas dele em parceria com Bernie Taupin. Ficou um primor. A que mais gostei foi a regravação de “Daniel” na voz de Sam Smith. Vale a pena curtir!

*Breno Eustáquio é jornalista e professor

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui