A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) prendeu em flagrante, nesta segunda-feira (2), na cidade de Manhumirim, um dos suspeitos de praticar extorsão mediante sequestro na modalidade “sapatinho”. Um gerente de banco e sua família foram vítimas do grupo criminoso.

O grupo sequestrou o bancário e outras quatro pessoas da família dele. O gerente ficou sob o poder de parte da quadrilha em Manhumirim, enquanto as outras vítimas foram mantidas em cativeiro em Contagem, na região metropolitana da capital. Todas as vítimas foram liberadas pelo Departamento Estadual de Operações Especiais (Desoesp), em um trabalho conjunto com a equipe da Delegacia de Polícia Civil em Manhumirim.

Às 10h de hoje os delegados Glaydson de Souza Ferreira, Ramon Sandoli e o Inspetor Marco Matos, concedem uma coletiva em Belo Horizonte para darem mais detalhes da operação.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui