As vítimas do acidente como ônibus da empresa Localima, que ainda estão internadas no Hospital Margarida, em João Monlevade, foram ouvidas nesta manhã (8) pelo delegado Diego Carvalho, da Polícia Civil.

O acidente ocorreu por volta das 13h da última sexta-feira (4), no km-350 da BR-381, em João Monlevade.

Segundo o Hospital Margarida, sete pessoas continuam na unidade de saúde e nenhuma delas corre risco de morte,e não há previsão de alta hospital delas.

Outras três vítimas, que foram transferidas para o Hospital João XXIII, em Belo Horizonte continuam hospitalizadas. Um homem de 33 anos permanece em estado grave no Centro de Terapia Intensiva (CTI), no João XXIII, e uma menina de 7 anos passou ontem por uma cirurgia no tornozelo, no mesmo hospital. Segundo informações ela passa bem.

No mesmo local, um menino de 10 anos continua na Unidade de Terapia Intensiva Pediátrica, em estado grave, mas estável.

A Polícia Civil de Minas Gerais irá fazer a reconstituição dos instantes finais da viagem que resultou no acidente.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui